CENSURA, DITADURA, POLITICAMENTE CORRETO

Seguidores

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

ESPÍRITO SANTO O CAOS E A MISÉRIA ESPIRITUAL DOS BRASILEIROS



 

A esquerda, os mesmos que desarmaram os cidadãos, que depredam as polícias, que armam os criminosos, sussurram aos policiais lutarem por direitos, sindicatos, desmilitarização. E estes policiais confiam em seus inimigos.

"É claro que a esquerda não quer “acabar com a polícia”. O que desejam é a “desmilitarização”, ou seja, tornar a polícia uma força civil com direito de greve, etc. Alguns falam em centralização das polícias, algo que apenas colocaria o centro de decisões muito mais longe da população, exatamente o oposto do modelo americano. Mas o principal ponto é que as polícias trocariam a ordem militar por um sistema de funcionários públicos civis.  E por que os esquerdistas odeiam a Polícia Militar? Porque a polícia, sendo militar, não está sob o jugo dos sindicatos. Num país onde grupos comunistas dominam os sindicatos, desmilitarizar as polícias seria o mesmo que controlá-las. A esquerda já domina as universidades, as redações, a Igreja, o lumpesinato, o meio cultural e o ambiente político-partidário. Falta apenas controlar os detentores do monopólio do uso da força bruta do estado. Por isso o ponto urgente em sua agenda: a “desmilitarização da PM”."

Nenhum comentário:

Postar um comentário