DOMINGO REZE UM MINUTO

Seguidores

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

CONTROLE TOTALITÁRIO PELA MENTIRA



Quem leu as obras da filósofa Hannah Arendt conhece bem as estratégias do Totalitarismo, do Stalinismo e do Nazismo para dominar a população.

Alguns exemplos:

-O regime autoritário e ditatorial, para dominar o povo, precisa confundí-lo. Como ele faz isso? Simples,ele cria várias leis diferentes sobre um mesmo assunto. Assim, o povo nunca sabe com certeza qual das leis ele deve obedecer.

-O regime ditatorial cria vários órgãos e agências governamentais para regular um mesmo assunto, assim, a população nunca sabe à qual órgão deve obedecer.

-O regime ditatorial manipula e distorce a verdade, segundo a sua conveniência. As adulterações de fotos e documentos feitas por Stálin, e os julgamentos forjados provam isso.

-A famosa frase de Joseph Goebbels, ministro da propaganda nazista, resume bem: "Uma mentira repetida mil vezes se torna verdade".

-A mentalidade do "vale tudo pelo Partido" é mesma do nazismo e do stalinismo, e foi inoculada por José Dirceu nos militantes petistas desde a fundação do partido.

Estudem mais História antes de defender essa gente ruim.

https://www.facebook.com/alexandre.gianechinidearaujo/posts/771942386293672?pnref=story

"Graças ao seu conhecimento psicológico específico e à sua convicção de que as pessoas normais são ingênuas, uma patocracia é capaz de aprimorar as suas técnicas "anti-psicoterapêuticas" e, patologicamente egotística como de costume, insinuar seu mundo de conceitos deficientes para os outros em outros países, tornando-os suscetíveis à conquista e à dominação. Os métodos mais freqüentemente utilizados incluem os métodos paralógicos e conversivos, tais como a projeção das qualidades e intenção de uma pessoa sobre as outras, sobre grupos sociais ou nações, a indignação paramoral e o bloqueio reverso. Esse último método é o favorito dos patocratas, utilizado em larga escala, direcionando as mentes das pessoas medianas para um beco sem saída porque, como resultado, faz com que elas busquem pela verdade no meio termo entre a realidade e o seu oposto." (PONEROLOGIA: PSICOPATAS NO PODER)


"Direitos humanos": essa distorção está no mesmo pacote do "politicamente correto", "marxismo cultural", "agenda gramsciana",  termos que eu desconhecia a importância até uns quatro anos atrás. E agora eles me assustam por trazerem um sentido esvaziamento de significados, de inversão de valores, e de impunidade para o crime e  criminalização de atos inocentes, até o ponto de inibir o pensamento. São as ferramentas de controle da natureza humana, tão caras aos psicopatas no poder. 

O livro "A NOVA CLASSE",  de Milovan Djilas, tem uma passagem interessante no capítulo "Tirania do Espírito",  sobre a busca de uma IGUALDADE na visão de mundo e o controle insano da atividade do pensamento nas sociedades comunistas:

"Por outro lado, a discriminação ideológica nos sistemas comunistas tem a finalidade de proibir outras idéias e de impor as suas. São duas surpreendentes formas de tirania inacreditável, total. O pensamento é a mais criadora das forças: descobre o que é novo. O homem não pode viver nem produzir se não pensar e meditar. Mesmo que possam negá-lo, os comunistas são forçados a aceitar, na prática, esta verdade. Por isso, procuram tornar impossível o predomínio de outro pensamento que não seja o deles.  O homem pode renunciar a muitas coisas, mas tem necessidade de pensar e comunicar seus pensamentos. É um sofrimento profundo ser compelido a silenciar quando se tem necessidade de expressão. OBRIGAR O HOMEM A NÃO PENSAR, A EXPRESSAR PENSAMENTOS QUE NÃO SÃO OS SEUS, É A PIOR FORMA DE TIRANIA.  A limitação da liberdade de pensamento não constitui apenas um ataque a direitos sociais e políticos específicos, mas também ao próprio ser humano como tal." 
 "A proposição de que o marxismo é um método universal, proposição que os comunistas têm obrigação de defender, leva na prática a uma tirania em todos os campos de atividade intelectual”.  Milovan Djilas, in – “A Nova Classe”
*
"O grande arquiteto da desinformação sistemática foi Felix Edmundovitch Dzerzhinsky, criador da primeira polícia secreta soviética, a Tcheka. Quando Lênin perguntou, ainda em 1918 a Dzerzhinsky, sobre qual a estratégia que deveria ser adotada para influenciar o resto do mundo, recebeu como resposta: "diga sempre o que eles querem ouvir, minta, minta sempre e cada vez mais. De tanto repetir as mentiras elas acabam sendo tomadas como verdades".
"Esta expressão, levemente modificada, foi copiada por Paul Joseph Goebbels, Ministro da Propaganda e do Esclarecimento do Povo do III Reich a quem foi atribuída, erroneamente e provavelmente de má-fé, a autoria. " Heitor de Paola

https://youtu.be/N7g32p8Tq2U

*
IMPRENSA DE RABO PRESO EM 1993 FAZIA CAMPANHA PELA "ÉTICA"
http://conspiratio3.blogspot.com.br/2015/12/imprensa-de-rabo-preso-em-1993-fazia.html

*
FALSOS RELATIVISTAS "As ideias dos ativistas quase nunca significam o que dizem. Por baixo do seu conteúdo ostensivo escondem um objetivo estratégico que, no plano histórico, virá a constituir seu único conteúdo efetivo quando o jogo dialético das ideias e das ações tiver atingido seu resultado. Assim, por exemplo, durante anos o relativismo serviu de navio quebra-gelo para demolir  resistências a propostas que, por sua vez, nada tinham de relativistas – eram, ao contrário, as mais absolutistas e intransigentes que se pode imaginar." http://www.olavodecarvalho.org/semana/130325dc.html


Um comentário:

  1. thanks time your ad resurgence with resurgence you can expect significant improvement in Alvena Skin skin smoothness and firmness radiance and hydration fine lines and wrinkles just seem to vanish and assigns a hormonal a gene will be visibly diminished home early aging skin never played hasn't held in a and if you don’t believe this can happen it's like protects doctor near ads resurgence change my life you've read about your adding Cosmo.

    http://bleusapphirefacialserum.com/alvena-skin/Alvena Skin/

    ResponderExcluir