CENSURA, DITADURA, POLITICAMENTE CORRETO

Seguidores

quarta-feira, 5 de julho de 2017

JANET JACKSON ISLÁMICA

Janet Jackson revela quase ter cometido suicídio depois de ter se convertido ao islã e ter tido privações de toda sorte

Jews News – Janet Jackson, a irmã do legendário astro da musica pop, Michael Jackson, no último mês afirmou estar saindo da indústria do entretenimento em razão de sua nova religião.

Janet, que é casada com o bilionário do Qatar, Wissam Al-Manna, afirmou que ela quase tentou o suicídio em razão das restrições que sua nova vida e sua nova religião trouxeram, afirmando que não foi uma transição fácil.

De acordo com o MTV News, ela revelou que está sendo privada de tudo na vida, como, por exemplo, não poder escutar música, dirigir um carro, usar roupas de um designer mas somente uma abaya preta, e nem sequer pode sair de sua residência em Doha, sempre cercada de homens altamente armados.

Janet também afirmou que sua nova música com J. Cole, “No Sleep” diz tudo sobre seu casamento, sobre as dificuldades de adaptação à sua nova vida e o stress em ser uma esposa muçulmana, também sobre o arrependimento que ela teria tido nessas escolhas.

http://torinonews.info/2017/07/02/janet-jackson-revela-quase-ter-cometido-suicidio-depois-de-ter-se-convertido-ao-isla-e-ter-tido-privacoes-de-toda-sorte/

MICHAEL
https://www.youtube.com/results?search_query=MICHAEL+jackson+MUSLIM+

Nenhum comentário:

Postar um comentário