CENSURA, DITADURA, POLITICAMENTE CORRETO

Seguidores

quarta-feira, 14 de abril de 2021

OLAVO DE CARVALHO - AULA INAUGURAL - CIÊNCIA POLÍTICA: SABER, PREVER e PODER

.

*

Todo igualitarismo, por definição e fatalidade intrínseca, aparece como ideal norteador de ordem jurídica que tenta se impor à ordem dos fatos. Como todo ideal jurídico, este só pode se impor mediante a concentração de forças policiais e administrativas que terão de crescer à medida que esse ideal amplie e universalize sua área de aplicabilidade na prática social. Logo, quanto mais autoridade o ideal igualitarista desfrute na sociedade, maior o aparato hierárquico organizador e repressivo necessário para impor essa autoridade e, portanto, maior a desigualdade real no corpo da sociedade. Todo igualitarismo é uma fraude condenada, pela sua própria lógica interna, a produzir resultados opostos àqueles que promete. Quem não percebe isso por intuição lógica imediata é um imbecil. Quem insiste em não percebê-lo depois que a experiência histórica universal o confirma é um perigoso sociopata, um inimigo da espécie humana. https://www.facebook.com/olavo.decarvalho/posts/10159077267662192

O igualitarismo, como o idealismo kantiano, só vale -- um pouquinho -- como reação crítica parcial aos exageros céticos e/ou dogmáticos imperantes em certos momentos. Como ideal normativo com pretensões universalizantes, não vale bosta nenhuma.  https://www.facebook.com/olavo.decarvalho/posts/10159077281567192

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário